Como parceira exclusiva de transporte do Fórum Econômico Mundial, realizado em Davos, a Audi está promovendo a mobilidade sustentável ao fornecer uma frota de 50 Audi e-trons para o encontro anual de 2019. Os veículos, totalmente elétricos, são completamente abastecidos com eletricidade verde. Com contêineres de recarga móvel, a companhia também está demonstrando uma potencial aplicação de baterias usadas de carros elétricos.

“Estamos com foco claro e consistente em soluções de mobilidade sustentável para o futuro,” enfatiza o Presidente do Conselho de Administração da Audi AG, Bram Schot. “No Fórum Econômico Mundial desse ano, podemos apresentar a nossa definição de mobilidade elétrica prática ao vivo e possibilitar que muitas pessoas a vivenciem diretamente.”

O Audi e-tron é o primeiro modelo totalmente elétrico produzido em série pela montadora premium de Ingolstadt. Mais de 20.000 reservas já foram recebidas para o modelo, que chegará aos showrooms da Europa na próxima semana. Com uma frota de transporte de 50 Audi e-trons, a companhia demonstra mais uma vez a praticidade do carro nas montanhas nevadas da Suíça – e também no clima e na topografia desafiadores da região.

A companhia também desenvolve um projeto de pesquisa de reuso de baterias de carros elétricos ao levar três contêineres de recarga móvel Audi, com potência total de 700 kW e capacidade de 1.14 MWh, que garantirão o fornecimento rápido de eletricidade verde para a frota de e-tron. Após o término da fase de utilização nos carros, as baterias de alta-voltagem continuam a ser adequadas para várias aplicações de armazenagem de energia. Por essa razão, a Audi está experimentando cenários para a utilização mais eficiente possível destes recursos disponíveis. Os contêineres também são implementados em grandes eventos, complementando de forma flexível a infraestrutura de recarga do local.

Com esse projeto, a Audi se compromete visivelmente com os valores da Aliança Global de Bateria do Fórum Econômico Mundial. A aliança consiste em parceiros de setores públicos e privados de toda a cadeia de suprimentos e almeja assegurar a sustentabilidade social e ecológica na cadeia de valor das matérias-primas das baterias. Para esse fim, a Aliança está preocupada com as condições de extração da matéria-prima, conceitos sustentáveis ​​de reciclagem, no sentido de uma economia de ciclo fechado, e inovações que promovam a sustentabilidade da bateria. A Audi é membro da plataforma de cooperação desde 2017.

A Audi tem apoiado o Fórum Econômico Mundial como parceira exclusiva de transporte desde 1987. O 49º Encontro Anual do Fórum Econômico Mundial acontece de hoje  até sexta-feira (25/01) em Davos, na Suíça.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *